Como aprender a gostar de rock


Esse post será claramente um tutorial para quem diz que não gosta de rock e uma ótima forma de fazer com que quem gosta tire a poeira dos mp3 e volte a escutar algumas coisas que há muito não tinham o prazer de ouvir. Quando eu digo – diz que não gosta de rock – é porque todo mundo gosta, só que não descobriu ainda, não teve a influência certa. É claro que você pode gostar de outras coisas, mas ouvindo algumas dessas músicas e abrindo um pouquinho a cabeça, vc pode perceber que rock não quer dizer um bando de malucos vestidos de preto e balançando a cabeça. Isso existe sim, mas existem milhares de pessoas que pensam que rock quer dizer black metal, pensam que Iron Maiden é cantado da mesma forma que o Sepultura e que Beatles não é Rock.

como aprender a gostar de rock

Outro dia mesmo, eu estava conversando com a minha prima e ela me fez exatamente essa pergunta “Mas Beatles é rock?”. Eu quase morri é claro, minha querida, Beatles não é só rock como eles praticamente inventaram o rock como é hoje. Quase todo mundo é, foi e será influenciado por Beatles. Foi e sempre será a maior banda de todos os tempos, é igual Allejo no Superstar e Pelé no futebel. Ninguém supera. Esse é um preconceito idiota e que distorce a cabeça de muita gente e impede que tantas e tantas pessoas deixem de conhecer boa música.

Grande parte dessa culpa, é dos malditos metaleiros xiitas. Por culpa desses idiotas, quem gosta de rock é visto como um bando de arruaceiros cabeludos que fedem a vinho barato. Esses caras são apenas crianças revoltadinhas que acham que meia dúzia de grunhidos são as coisas mais legais do mundo. Existe isso? Claro que sim, mas a grande maioria que gosta de rock gosta é de música boa. E shows de rock dão menos confusões do que malditos festivais de axé, para te falar a verdade, nem nunca vi uma briga em todos os shows que eu fui.

Bom, como sempre me extendi demais na introdução, mas vou tentar explicar como eu comecei a gostar de rock. Foi praticamente da mesma forma que eu comecei a surrupiar uns livros para ler, eu não tinha NADA para fazer o dia todo. E com uns 10 anos, eu só gostava de uma banda: Engenheiros do Hawaii. Gosto muito até hoje, eu e meu irmão Mateus – que eu já disse aqui ter sido uma grande influência para mim – tínhamos todos os cd’s e tudo mais. Nesta época eu já tinha ouvido falar de Black Sabbath, Iron Maiden, Metallica e afins, mas como eu era novo e totalmente influênciado por cabeças mais fracas que a minha, achava que era tudo coisa do demônio e era tudo grito.

Eis que meu irmão começa com sua compulsão por comprar cd’s, comprou dessas bandas aí e de mais algumas, confesso que comecei a ter um pouco de medo dele…mas tudo bem. Nesta mesma época, meu padrinho estava de mudança para portugal, e ele começou a distribuir entre os sobrinhos alguns perteces a mim ele deu um cd que mudou completamente minha vida.

Era um álbum duplo fodástico, um show incrível com bandas mais incríveis ainda. Mas duas coisas em particular fizeram minha cabeça explodir ouvindo esse cd. For Whom The Bell Tolls do Metallica, poxa…nenhum garoto está preparado para ouvir isso logo de cara, fiquei completamente maluco, com a bateria, com aquela introdução maravilhosa e com o vocal incrível de James Hetfield. Quando eu pensei que estava me recuperando, surge a eterna versão ao vivo de When I Come Around do Green Day. Olha, vou te falar, eu só pensava em como diabos podia existir aquilo, como alguém pode fazer um som daquele jeito. E veja só, eu não havia visto absolutamente NADA. Mas aí, meu tio nos tinha dado outro cd…nada mais nada menos que:

Nevermind. Se você nunca escutou Polly, Come as you are, Lithium, In Bloom e é claro Smells Like Teen Spirit, desça do mundo agora. Eu não queria saber de mais nada, pensava que acabava aí, que não existia nada melhor do que aquilo, que ninguém iria superar isso, aquele sentimento, aquela liberdade, aquela revolta dos riffs de Kurt Cobain. Ó, como eu estava enganado – ainda bem!.

Como eu disse, o meu querido irmão não parava de comprar cd’s, e eu já cansado de escutar as mesmas coisas resolvi pegar três cedêzinhos para ouvir, eram eles: Iron Man, Sabbath Bloody Sabbath – do Black Sabbath e Best of the Beast – do Iron Maiden. Aí maluco, o mundo acabou! Havia descoberto o Heavy Metal. Minha nossa, isso com certeza me influenciou para o resto da vida, ao mesmo tempo que me deixou burro. Pois naquela época nada que não tivesse duas guitarras, ou não fosse cantado pelo Ozzy era lixo para mim. Virei tudo aquilo que hoje eu abomino, um metaleiro xiita chato e cabeça-fechada.

Claro que fui envelhecendo e abrindo mais a cabeça. Céus, como posso ter perdido tempo de ouvir Lynyrd Skynyrd, Beatles, Ten Years After, Joe Cocker, Jimmi Hendrix, Janis Joplin, The Who, Cat Stevens, Creedance, Led Zeppelin, AC/DC…e tantas outras bandas que eu ainda tenho que descobrir. Ainda gosto de um bom metalzão farofa. Mas aprendi que existe vida após, solos virtuosos, calças coladas e gritinhos no refão.

Minha grande dica é, comece com os clássicos, esses aí do parágrafo de cima já servem. Se você realmente começar a gostar, ouse um pouco mais. Escute Metallica, mas comece pelos discos mais melódicos, Black Album e ReLoad são bons para você começar. Escute também No More Tears e Ozzmosis do Ozzy Osbourne – são cd’s incríveis, vai por mim. Não deixe de escutar também Pearl Jam, Silverchair e Faith No More. Há também ótimas novas bandas para escutar, The Killers, Franz Ferdinand e Wolfmother – essa é incrível) são boas pedidas.

Se você gostar do som dessas bandas aí, prontinho. Já não precisarei dar mais nenhuma dica, você vai conseguir andar sozinho e procurar o que você gosta mais, o que mais te anima e o som que mais te atrai. Vamos lá, não custa nada.

***

1 – Ontem, no dia em que a famosa Tine está na Zona Voice eu me faço o favor de entrar bêbado, desculpe Tine, eu não sou assim viu? Á ela é do maravilhoso Eu, Eu Mesma e Tine.

2 – Já visitou o Gordo Nerd?

3 – Acabo de receber via twitter uma dica incrível de post, do blog Espacejamentos, veja in loco os últimos dois posts.

***

Obrigado ao pessoal que corrigiu algumas das caneladas que eu dei neste texto, José e Hay

Pedro Turambar

Já fui de um tudo nesta vida, mas há uma coisa que nunca deixei de ser: escritor. Escrevo para viver e manter minha sanidade em um mundo tão louco. Sou uma mistura de palavras, lágrimas e reclamações.

You may also like

76 Comentários

  • Carllos
    05/10/2010 at 13:14

    porra gente não existe rock e metal, de maneira nenhuma um é rival do outro o rock´n roll abrange tudo, rock é a música, metal é um estilo da mesma. Eu curto tudo o que é rock desde o q foi criado a 60 anos atrás até hoje. Concordo que as bandas de hoje perderam em muito a ideologia de anos atrás mas nem por isso o rock deixa de existir, enquanto houver uma guitarra erguida estaremos de pé.

  • Fred
    26/11/2009 at 15:49

    Cara, eu adoro rock, mas como sou menor, nao entendo muito
    Me ajude por favor, se puder.
    Uma pergunta. Nao gosta de Red Hot Chilli Peppers ?
    Eles sao demais !
    Bom, me contate se puder ajudar.
    Muito obrigado !

  • Felipe
    23/10/2009 at 08:35

    Mano adorei seu Post vc é surpriendente .
    Sempre adorei Rock e Metal e o seu Post pode faser mais gente gostar.

    Sem palavras

    ABRAÇOS!!!!

  • Wallace
    19/07/2009 at 23:47

    Po .. muito bom , você realmente tem uma história para contar .
    Sou do rock , adoro o rock , nenhum outro estilo me faz sentir taum bem .
    Digo os Classic Rock , não esses dos dias de hoje .
    Mas apenas comentar , passei a escutar rock , quando conheci a Legião Urbana . Aprtir daí que começou .

    Hehe Abraços

  • vinicius
    10/03/2009 at 01:31

    karaaaa
    adorei
    realmente
    tudo que eu queria ouvir
    vou mandar para meus amigos cabeça-fechada
    valeu pedroooo

    Rock N Rolla
    Toca Pra Mim????

  • João
    17/02/2009 at 20:10

    vai te catar muleke, seu blog chama “crespusculo”, e nem vem falar que não se inspirou naquela merda de livro. Depois que dar lição de moral nos outros.

  • Eddie Van Halen
    13/02/2009 at 01:47

    Faltou Eddie, cara …
    Quem nunca ouviu Eruption ?
    Praticamente solada, com uma batera no começo e só …
    Panama, Runnin with the devil, Aint talkin about love, porra, Eddie mano …

  • Cacofonia
    31/01/2009 at 18:03

    Primeiro: Metaleiro eh quem faz panela, criancas! ¬¬

    Segundo: Olha soh, nao eh atoa que o IV do Zeppelin eh o 3o album mais vendido da historia, seguido de The Wall do Pink Floyd e Back in Black do AC/DC… Beatles ficaram na 11a posicao (fonte: RIAA)… Alguem ainda quer contestar que o Zeppelin eh mais influente que os Beatles? Nao levem isso como desrespeito, ofensa ou o diabo, pelo amor de Deus, eh soh um fato… Outro fato: Heavy Metal eh Heavy Metal gracas ao Black Sabbath, que eh au concours ai nessa brincadeira, alguem discorda? Depoooooois eh que vem essa conversinha de Beatles.

    O post foi bom se voce desconsiderar algumas pedradas culturais… Mas soh um adendo: Nao “se aprende” a gostar de rock… Isso eh coisa de tia velha!!!! Rock tem que nascer dentro de voce. Eh sentir o cabelo do cu arrepiar com um grito do Freddie Mercury ou um bend do Hendrix.

    Rock eh rock… E vice versa!

  • Guilherme
    30/01/2009 at 15:09

    Minha história é muito semelhante. A diferença que ao invés do CD do Woodstock 94 foi a fita k7 e o cd que peguei pra ouvir depois dele foi o SMASH do Off Spring. Depois veio Sound Garden, Pearl Jam….

  • hugo du rock
    29/01/2009 at 13:54

    rock eh isso mesmo e tei muita coisa boa de hoje em dia ate mesmo no emocre viva ao rock e seus sub estilos sem precoseito

  • Mariana
    27/01/2009 at 13:14

    Sou completamente leiga no assunto qndo começam a falar qual estilo d rock ou metal as bandas se qualificam. Mas sou uma pessoa completamente aberta a novos ritmos, novos sons. Constantemente sou zuada pq numa faixa dos meus CD’s está o Exaltassamba, na proxima The Doors e na outra Shakira….
    Sim sim, sou uma bagunça musical, mas axo bem interessante gostar de tudo e nao gostar de nada especificamente. Isso me dá o “direito” de julgar tds os ritmos, a partir do momento q eu tenho capacidade de ouvir p depois criticar, e nao sair criticando pelo q as outras pessoas estao falando…
    É isso, axo q td mundo devia estar aberto p novas musicas, ou pelo menos ser mais flexivel em relaçao ao gosto do outro!!!

  • Murilo
    27/01/2009 at 00:01

    perfeito…..soh falto o Guns N’ Roses……=/

  • Bruno César Rosa Diniz
    24/01/2009 at 21:05

    cara, gostei do seu post. você comentou como foi que você aprendeu a gostar de rock e incentiva muita gente, tenho certeza que muitas pessoas assim como eu se identificaram com cada palavras que você pensou e escreveu. você que descobriu o rock, precisa ouvir tbm dream theater, pesquisa sobre a banda, o estilo deles tbm e ouve a música Solitary Shell, ai sim você estará conhecendo o rock progressivo, o mais prazeroso de se ouvir e apreciar.

  • Diego Camara
    22/01/2009 at 22:31

    Só adicionar algo, espero que ele leia.

    Meu caro Dragonforce
    Você por acaso gosta de Iron Maiden?
    Viu o preço dos ingressos da banda para o show no Brasil?
    Por acaso você sabe que, se tivessemos mais ou menos o dobro de fãs do Iron Maiden no Brasil, o ingresso provavelmente custaria metade do preço que está custando o show este ano?
    Sem dúvidas isto te deixaria muito mais feliz não? Eu ficaria.
    Então comece a pensar melhor nas suas atitudes enquanto alguém que gosta de Rock/Metal.

    Se possível, crie também um blog para divulgar a música. Eu e todos os fãs agradeceríamos.

  • Pedro Turambar
    Pedro Turambar
    22/01/2009 at 00:44

    Ou Dragonforce, nem vou te responder…o Diego Camarra já disse tudo.

  • Diego Camara
    21/01/2009 at 22:04

    Caca falou tudo e citou as principais bandas de rock já criadas, as primeiras influências de todo o estilo sem dúvidas vieram destas bandas que ele citou. Muito bem colocadas todas elas.

    Todas estas bandas fizeram sua história e criaram uma lista de seguidores que criaram todos os estilos de Rock/Metal existentes. É por elas que existe este estilo musical como nós conhecemos hoje: vasto e englobador de muitos estilos.

    O rapaz aqui acima (Dragonforce) não leu o artigo inteiro ou é um metaleiro xiita. Metaleiros xiitas são o pior da nossa raça, de todos que gostam de Rock e Metal. Não precisamos de gente de cabeça fechada, precisamos de mentes abertas para fazer o movimento crescer.
    Infelizmente os portais especializados estão cheios de gente como o rapaz aqui acima, escutam meia duzia de bandinhas de Black/Death Metal e já acham que sabem o bastante para julgar todas as bandas conforme seu gosto musical. O que isto acarreta? Enfraquece o estilo musical, deixa o rock e o metal no buraco, pois estas pessoas não sabem agregar, mas parece que na verdade querem afastar novos fãs “posers” que não gostam de metal de verdade.

    Baboseira e um prejuízo para nós, que temos que aguentar ainda este monopólio de funk/axé/pagode nos nossos ouvidos. É a vida.

  • Dragonforce
    21/01/2009 at 19:02

    metaleiros = macacos? redículo, seu merda

  • Cacá
    21/01/2009 at 13:21

    Bandas Mais importentes na história do rock:

    Beatles : sem comentários – influenciou todo mundo

    Rolling Stones: a maior de todos os tempos – Mais tempo de carreira todo mundo gosta

    Led Zeppelin; a mais importante e maior do Hard Rock – surgiram depois muitas outras excelentes, atualmente o AC/DC é o melhor e maior no estilo

    Pink Floyd: a mais importante e maior do Rock Progressivo – Yes, Gennesis, Jetro Tull tem seu espaço na importancia do genero

    Black Sabbath: a mais importante e maior do Heavy Metal (estilo de música mais tocado em todo mundo) – Iron Maiden com a NWOBHM (quem gosta de rock sabe o q isto significa), melhorou em muito o estilo, e surgiu varios tipos de Metal, como Trash, Power, Speed, Melodico, Black, White, mas todos influenciados pelo Black Sabbath (não adianta negar)

    Ramones; a primeira e mais importante do Punk Rock, do punk surgiu vários outros estilos como grunge, ska, skate, aliás depois do punk é que surgiu tudo, pois os ramones mostraram que odo mundo pode fazer música.

    Queen: é o Queen, se encaixa em todos os estilos e ao mesmo tempo em nenhum, faz a Ópera Rock, seguido por algumas bandas, tipo Meat Loaf, mas ninguém chega perto.

    Pode ser que vc não goste de alguma banda das citadas acima mas com certeza você deve respeitá-las e saber que elas que influenciaram sua banda preferida. Caso contrário, interne-se em um hospício!

  • Eduardo Wagner
    20/01/2009 at 19:02

    Muito bom seu post.
    Música para mim é uma das maiores expressões da cultura. E o rock é quase a perfeição dentro da música.
    Pra mim começou lá no inicio dos anos 90 com um fita coletânea dos Ramones.
    Meu deus, o que foi aquilo…..pirei a cabeça e só queria mais e mais e mais rock and roll.
    Hoje sou fã de muitas coisas, mas mais especificamente aquelas feitas entre 60 e 70, onde o rock atingiu sua plenitude através de fusões e experimentações.
    Não sei se vocês conhece, se não fica ai a dica de duas bandas que aprecio muito, Cream e Traffic.
    Ganhou um assinante dos feeds.

  • _epb_
    20/01/2009 at 12:09

    Gostaria de lembrar de alguns artistas não citados, antigos ou novos, que contribuíram muito para a formação deste gênero maravilhoso que é o rock: Velvet Underground, David Bowie, The Stooges, Joy Division, The Smiths, Pixies, Flaming Lips, Radiohead, PJ Harvey, só para citar alguns….

  • Zetti
    19/01/2009 at 23:22

    Cara, comecei a gostar de rock, por causa do meu irmão mais velho, que sismava em tocar zeppelin Sweet, e Sabbath, mas lembro que a banda que mudou a cabeça foi o Def Leppard e pensar que os cara eram só cinco anos mais velhos que eu.

  • Vivian
    19/01/2009 at 04:58

    Esqueci de citar: sabe o seriado Cold Case? No final do episódio sempre passa clássicos do rock! Provavelmente, muita gente gostou da música e nem sabe que estava ouvindo clássicos!!!

  • Vivian
    19/01/2009 at 04:54

    Adorei o post!
    Vim pelo Haznos e adorei!
    ___________________________
    Eu comecei a gostar de rock ouvindo Guns’n’Roses!
    Depois fui para Nirvana e várias outras bandas clássicas!

    Recomendo Sonata Arctica! Heavy metal com letras lindas e melodias muito boas. Algumas músicas lembram Whitesnake, outra banda phoda!!!

    ^^

  • Luciano A.Santos
    18/01/2009 at 16:43

    Também comecei a ouvir rock influenciado por meu irmão mais velho e,intimamente, agradeço a ele por isso, mas depois de um tempo fomos nos distanciando do que ouvíamos (ele tendeu mais para o lado metaleiro xiita), enquanto segui por caminhos mais audíveis. Meu cantor preferido conheci meio que por acaso. A mulher do eu tio deu ao meu irmão um cd que havia ganho da patroa, era o “Time Out of Mind”, do Bob Dylan. O nome não me era estranho, daí mandei um “é reggae né?!?” que fez meu irmão se jogar no chão de tanto rir. Pô, fiquei com vergonha e resolvi escutar aquele, segundo ele, mestre, mas não foi fácil. Time out of Mind é um grande álbum, mas é difícil pra um moleque de 12 anos. É mais fácil gostar de Bob Dylan se se começar por Like a Rolling Stone, Hurricane, I Want You, ou até mesmo Sara. Fui pelo caminho mais difícil mas hoje não me arrependo. Highlands pode tocar por seus mais de 16 minutos que fico atento do começo ao fim. Rock é assim, todo o mundo gosta, é só se acostumar.

  • Pedro Turambar
    Pedro Turambar
    18/01/2009 at 15:33

    boa Fernando!! ahahahhaha

  • fernando
    18/01/2009 at 15:26

    O cara achar que Rolling Stones ou Led Zepellin influenciaram mais que os Beatles ou é totalmente desinformado ou é meio burro mesmo.

  • Luiz Ricardo
    18/01/2009 at 15:18

    Caralho , Muito foda ! Eu tb penso assim , parábens !

  • delpiero23
    18/01/2009 at 02:19

    “Do you have the time to listen to me whine
    About nothing and everything all at once…”

    Foi aí q tudo começou de fato pra mim… com Billie Joe cantando o início da fantástica Basket Case (tá, eu sei q tem gente odeia Green Day e tal, mas como um bom rockeiro eu digo um grande foda-se pra vcs =D)… a partir daí fudeu tudo…

    Antes disso eu não era muito ligado em música e não conhecia absolutamente nada, a não ser as merdas q sempre aparecem na tv (aberta ainda por cima, naquela época) e por isso detestava tudo. Comprei o Dookie e me apaixonei de vez pelo rock. Daí então foi um pulo para outras bandas, de ínício apenas situadas no “mundo punk”, foi o auge de Offspring, Ramones, Sex Pistols, The Clash, Blink 182, Nirvana e Foo Fighters (q não são punks, eu sei, mas não fogem mto) e afins… depois fui conhecendo outros generos, tirando o pó dos velhos vinis do meu pai, aí então conheci Pink Floyd, Beatles, Rolling Stones, Deep Purple, Led Zeppelin, Rush (nossa, eu era apaixonado pelo primeiro disco deles).

    Hoje eu curto qualquer tipo de rock, desde os mais antigos até aquilo que vai ser lançado amanhã. Algumas bandas amo de paixão, outras nem tanto… só faço uma ressalva aos subgêneros tipo “… – metal”, que não sou mto chegado e dependendo, posso até detestar, mas claro. os clássicos (tipo Black Sabbath, Metallica…) sempre tem seu espaço…

    PS: tb odeio xiitas metaleiros q só sabem falar mal daquilo q não gostam e cultuar a porra do deus metal e aquela barulheira horrível (minha humilde opinião)… devido à imagem q essa gente passa, algumas pessoas, principalmente os mais velhos e em cidades pequenas (meu caso) tendem a menosprezar e até discriminar quem gosta de rock, generalizando como se todo amante de rock fosse um louco inconseqüente, experiência pela qual eu já passei e ainda passo as vezes.

    “Keep on rockin in the free world”

  • José Is Back
    17/01/2009 at 19:22

    Parece alguém pregando uma nova doutrina, tentando converter os outros. Não se esqueça: quem não tem afinidade (bom-gosto) para ouvir rock, não mudará sua opinião e quando morrer será enterrado em vala comum.

    E, por favor, não erre na grafia das seguintes palavras, sob pena de parecer um estúpido (se já não estiver parecendo): o nome da música do Metallica é “For Whom the Bell Tolls” e o seu vocalista é James HETFIELD, além do já citado The Killers, que não tem apóstrofo no nome.

  • apa
    17/01/2009 at 18:14

    Ouça Grand Funk Railroad. O melhor…

  • Hay
    17/01/2009 at 05:57

    The Killers não tem apóstrofo. ._.

  • Diogo
    17/01/2009 at 04:42

    O Alejjo nao era o melhor, só era o mais clássico.

    Cruyff, Garrincha, Eusébio, Puscaz, e até, porque não, Zidanne, eram melhores que Pelé. Maradona era tão bom quanto.

    Quanto a bandas melhores que Beattles, é questão de gosto. Na minha lista pessoal, teriam umas 100 bandas na frente. Não creio que tenham influenciado o rock mais do que Led Zeppelin ou Rolling Stones. Com certeza influenciaram o Pop, com o lance dos cabelinhos e da tietagem. A fase indiana (pra mim, a melhor) não influenciou quase ninguém, a não ser por uns riffzinhos com som de sítara que ouvimos por aí de vez em quando.

  • BitterSweet
    17/01/2009 at 03:28

    Caramba! ótimo post! todas as bandas são ótimas… realmente, quem quer começar a gostar de rock, ou conhecer o que é realmente o bom e velho rock, precisa começar por este caminho, e as bandas novas que você citou também são grandes pedidas para quem quer ter uma noção do bom material que vem sendo produzido pelos “rockeiros” de hoje =)

  • Thi
    17/01/2009 at 02:22

    legaaal 😀

  • Alexandre
    16/01/2009 at 23:34

    Pra começar tb vale escutar Rolling Stones.. vo parar de citar bandas senao n paro por aqui hj..

  • Alexandre
    16/01/2009 at 23:32

    Como vc pode esquecer de Guns N’Roses, Aerosmith, Bon Jovi.. 😛

  • Fernanda Cristina GB
    16/01/2009 at 21:50

    eu achei o post meio ofencivo aos metaleiros
    naum sao todos os metaleiros q sao como vc descreveu
    eu particulamente adoro a tal “meia dúzia de grunhidos” e naum eh por isso q eu sou um brutamontes ignorante e imbecil (vc soh faltou dizer isso) generalizar eh uma coisa terrivel e vc fez isso a postagem inteira achei o post na realidade mto fraco, ninguem eh obrigado a gostar d rock, nem todo mundo se identifica com isso e eu prefiro q seja assim do q ter um mte d rockeiros posers, cada um eh cada um entao antes d sair por ai falando o q quer veja se naum esta exagerando ou falando besteira. nao mais.

  • Yo
    16/01/2009 at 21:05

    Beeeatles, não podia faltar! =D

    Mais um pra dizer: ÓTIMO TEXTO!

    Dá pra saber MUITO de uma pessoa só de saber o gosto musical dela.
    Certeza.

  • Luizinho
    16/01/2009 at 20:07

    Faltou Pink Floid…. =/

    mas , bela lista…

  • Emílio
    16/01/2009 at 19:46

    hauhauhauahuahauhaua vc eh meu idolo cara!!!
    comigo foi mto paerecido.. so q no meu caso eu nao tenho um irmao mais veho…
    foi um amigo meu q fico me lotando de musicas no email… no começo eu tinha mto “medo” das musicas q ele mandava.. mas dpeois fui parar pra escutar… a 1ª musica de verdade q eu lembro de ter escutado foi fear of the dark…. iron maiden… xDDD

    tipo… quando eu ouvia falar de metallica eu axava q era um lxo sem tamanho… mas quando eu parei pra ouvir.. puuutz… adivinha qual eh uma das minhas bandas preferidas agora?? huahauhauaha

  • Welty
    16/01/2009 at 16:26

    Cara, no campo de música eu tbm fui muito influenciado pelo meu irmao mais velho e graças a ele só estudo musica decente. =)

    nao sei dizer ao certo qual foi a primeira banda que ouvi de metal e tal, comecei a ouvi com…..MetallicA, o famigerado Black Album, a classica balada Nothing Else Matters, a partir dai..fudeu…
    mas claro, ele nao escutava soh metal, tinha coisas mais leves, clássicas, uma banda que recomendo, Dire Straits, é antiga e tal, mas eh classico. Pra quem curte um metal mais melodico tem Rhapsody Of Fire, ou simplesmente Rhapsody, uma mistura de musica classica com temas medievais com metal!! procure no youtube Dawn of Victory…
    rock nacional, ah Legiao Urbana, Engenheiros do Havaii, e por ai vai, o q mata eh o povo achar que essas musiquinhas emo sao rock…tsc tsc tsc, nao conhecem o verdadeiro e classico rock….

  • Japoneis Loko
    16/01/2009 at 16:13

    parabéns pelo post.

    Descobri hj seu blog, e com esse texto, com certeza já está nos meus favoritos.

    Apesar que vc nao citou a banda que iniciou meu gosto pelo rock, Kiss, rrsrs. mas se for pra citar todas as bandas que tem uma história forte dentro do Rock, demoraria muito pra terminar…

    Qto as bandas, nao sou muito fã de grunge – na vdd nem um pouco -, prefiro Heavy melódico e gótico…mas as bandas clássicas como Doors, Led, Purple, Beatles entre outras não podem faltar.

    mais uma vez parabéns. Abs.

  • sergioguilherme
    16/01/2009 at 15:45

    Cara, muito legal esse texto. Comigo foi muito parecido com isso.
    Comecei no rock quando devia ter uns 12 anos e meu pai tinha comprado um cd do Queen (Greatest Hits II) e um colega de escola me mostrado o primeiro cd dos Raimundos. Era tudo que eu ouvia direto. Depois de um certo tempo, um primo meu pegou emprestado de um amigo um cd do Offspring (Ixnay on the Hombre, acho que o último álbum realmente bom do Offspring) e do Ozzy (o Ozzmosis também). Após isso descobrimos, um pouco tarde talvez, Pearl Jam (que desde essa época é minha banda favorita). E aí começou a febre do mp3 e um tempo depois o Napster. Tïve também a fase de idiota de achar que Beatles fosse ruim e etc. Hoje com 27 anos costumo ouvir na maioria das vezes, coisas antigas, Beatles, Black Sabbath, Lynyrd Skynyrd, Thin Lizzy (muito bom), Grand Funk Railroad etc, e torço um pouco o nariz vendo essas modinhas atuais, Emo e suas turminhas.

  • Gabriel
    16/01/2009 at 15:23

    Maaan, post deveras bom! Começar com Nevermind foi demais, hehe. =D

    E eu concordo: xiitas são uma praga. Não só os metaleiros xiitas, mas também há punks xiitas, os que tem sindorme de underground (‘virou modinha, não gosto mais’), os que acham que só antigamente existiam coisas boas, os que acham que rockeiro só pode ouvir rock, and so on…

    Keep on rockin’!

  • JB'
    16/01/2009 at 14:22

    ‘Cara, texto muito maneiro. Foi assim que eu comecei a escutar Rock. A primeira música Heavy Metal que eu escutei (E eu enlouqueci depois dela) foi Iron Man, do Black Sabbath, depois disso eu comecei a escutar AC/DC (Que até hoje é minha banda favorita (: ) e tals.
    Muiito bom o texto. *-*

  • Cacá
    16/01/2009 at 13:51

    O melhor de gostar de rock é o seguinte, você não precisa fazer poe, usar roupas de tal marca, basta andar do jeito que quiser e será um rockeiro, naõ precisa de andar de preto, ou ter jaqueta, ou camisa de flanela, o que importa é ter atitude, ligar o foda-se pra o que todo mundo pensa. Ser altentico e ter personalidade. Fico vendo essas patricinhas, todas usam a mesma porra de roupa que está na moda. Isso é a coisa mais ridícula que existe, por isso sou rockeiro, não tõ nem aí pra moda. Outra coisa boa é ficar louco, fazer o que quiser sem que idiotas fiquem te olhando e te julgando. Vá a um show de rock, dance, pula, grite, fique pelado, pule na lama, beba até cair, faça o que quiser, ninguém vai falar nada. Ao contrário do que muitos pensam, rockeiro não precisa de drogas, hoje em dia são poucos que fumam uma maconha nos shows, ao contrário de raves que o consumo de drogas é excesivo, mas nós rockeiros ficamos loucos pela música, a batida é tão forte que não tem como não ficar quieto. Sinceramente, na terceira música do show do Iron Maiden em 2008, já estava mais cançado do que os 4 dias de carnaval. Resumindo, seja autêntico, tenha atitude, faça o que quizer, ligue o foda-se, se alguém achar ruim, encare e de uma cuspida na cara dele (ou dela) afinal você é rockeiro.

  • Tine Araujo
    15/01/2009 at 12:34

    Eu famosa?
    Prefiro simpática, legal…
    Não sou e nem me acho famosa, mesmo assim obrigada pela atenção e carinho nas palavras.

    Grande beijo

  • Juka
    14/01/2009 at 20:30

    Cara, praticamente curto todas as bandas citadas no post. Engraçado que a forma que eu “conheci” o rock foi engraçada xD. Comecei com Slipknot e praticamente fui obrigado a escutar, isso por causa que um mlk q era do meu curso de ingles gostava da banda e na espera da aula começar e qnd a aula acabava todo mundo ficava na internet e ele ficava escutando e pedia pra eu escutar, no começo odiava mas comecei a gostar e a partir dai comecei a gostar de muitas outras bandas. Sempre via passar clip do Nirvana e nem esperava terminar o clipe e mudava de canal, isso até eu ganhar o In Utero, cara, depois disso minha vida mudou hehehe, depois comprei o Nevermind e a partir dai começou uma nova fase nessa vida, serio!

  • Cesar
    14/01/2009 at 15:29

    Ótimo texto.

    Minha primeira influência no rock foi o Guns n’ Roses, uns primos me mandaram umas músicas deles, a partir daí praticamente um vício, e descobri várias outras bandas.

    Vale citar, algumas muito boas que não foram incluídas também, como Aerosmith, Deep Purple, Kiss, Led Zeppelin, Red Hot Chilli Pepers, Ramones, Van Halen, Bon Jovi, essas também muito fodas.

    Quem ainda não ouviu as q vc citou e essas, perdeu grande tempo da sua vida, ouvindo funk, axé e pagode =D

  • Eliane
    13/01/2009 at 18:30

    Aaaaaaaahhhhhhhhhhhh!

    Já estava achando que vc não ía citar Pearl Jam! rs
    Na minha opinião, a melhor banda de Grunge de todos os tempos… ok, ok… Nirvana também é foda!

    Pra quem quer se iniciar em Pearl Jam, aconselho começar por “Ten”… simplesmente PERFEITO!

    Pedro, adorei o post… sempre passo aqui pra “ler vc” e nunca comento, mas seu post de hoje me despertou essa vontade!

    Sou de Vitória – ES… muito prazer! ; D

  • Naya
    13/01/2009 at 11:58

    Rá..eu sempre gostei de rock, mas nunca fui muito fã de metal. Geralmente acabo me encantando com banda britânicas, indie rock e todas as suas vertentes. Até mesmo se tiver uma pitada de blues me faz “perder” algumas horinhas. uhuhuhuhuhu

    a única coisa complicada é ter milhares de amigas pagodeiras e sertanejas…. dai nem adianta discutir música com elas, pq não vai adiantar…elas nem vão imaginar do q afinal eu estou falando

    Só acho incrivel como eu sei quem são Victor e Leo, Sorriso Maroto e Tati Quebra Barraco, mas elas nunca ouviram Interpol, Keane, Echo & The Bunnymen, White Stripes….entre outras

  • Carla Maris
    13/01/2009 at 11:21

    Uau!!! o que foi isso….
    Não querendo te criticar mas já fazendo isso…( afinal esse espaço é também para as criticas ¬¬’)
    Como vc mesmo disse: vc era influenciado por outros…
    Pense:
    esse seu post de hoje esta bem influenciavel…do tipo: “LEIAM”, “ESCUTEM”, “VOCES VÃO GOSTAR”
    fiquei com medo o.O

    Acho acho que cada um deve ouvir o que quiser…sem essa coisa de “modinha” a lá Vitor e Léo…
    Tem gente por aí que voce vai conversar sobre musica e/ou algum cantor e o infeliz só sabe as 2 ultimas musicas do cara….pelamordedeus!!!
    Esse tipo de gente é aquele sem opinião propria influenciado pela TV…

    Bem, exagerei e praticamente fugi do assunto…desculpa…
    No mais, seu post esta bacana…nunca fui chegada nesse estilo ( por causa dos “metaleiros xiitas” ), oque eu mais ouço é… Anos 80…acredito que o povo dessa época tinha mais personalidade do que os de agora: Aerosmith, Despeche Mode, etc.

    Quanto ao seu blog… ta no caminho certo. Voce esta se saindo muito bem.
    Ha! desculpa por não ter comentado sobre seu outros post’s…li e adorei todos…bjo.

  • Antonio Ugá | Desventura.org
    13/01/2009 at 06:45

    Desculpa, não escrevi quase nada do comentário anterior, foi um texto muito bom.

    “Quando eu digo – diz que não gosta de rock – é porque todo mundo gosta, só que não descobriu ainda, não teve a influência certa”

    Sempre achei isso de Rock e outros estilos tbm, mas deixemos para lá.

  • Antonio Ugá | Desventura.org
    13/01/2009 at 06:44

    Show

  • Mara De Santi
    13/01/2009 at 00:53

    Pedro, adorei o post. E é surpreendente como quase todo mundo começa assim com o rock: escuta algo mais recente e depois vai cavucando, procurando os clássicos. Indico o ótimo The Allmans Brothers Band (som do cacete, vocalista com voz de outro mundo, guitarrista moleque e possuído) e, claro, Jimi forever! Tem um álbum dele que foi “descoberto” recentemente, chamado The First Rays of The Rising Sun… é sensacional! Ah, também colocaria um Rolling Stones na listinha… pode ser qualquer um deles!..rs. Se lembrar de mais alguma coisa, volto aqui. Abs.

LEAVE A COMMENT

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos