Especialista em Porra Nenhuma


A internet emburreceu as pessoas. Todo mundo é especialista em porra nenhuma.

Antigamente era inteligente quem tinha uma estante cheia de Barsa. Hoje é só ter internet e tempo livre na Wikipedia para saber tudo dum assunto. Antigamente você mandava seu irmão mais novo entrar numa gaveta em sacrifício aos deuses do video game para zerar Battletoads. Hoje se você vir o gameplay inteirinho de The Last of Us você já pode participar dos fóruns, criando teses de como o jogo é bom. Antigamente você ia no cinema e era surpreendido por um filme, hoje em dia você vê o trailer, as fotos de produção, leu o roteiro vazado e quando vai escrever a resenha diz que a experiência não foi legal e dá uma nota sete pro filme.

Não pense que eu sou mais um da patota que diz que tudo antigamente era melhor. Pelo contrário. Estou só apontando as diferenças, sem julgamento de valor. Ninguém abria os livros da Barsa, só zerou Battletoads quem decorou a fase da motinha, e isso não te faz um especialista e várias vezes você jogava o dinheiro fora por ir ver aquele filme que você não sabia nada e devia ter continuado assim.

Antigamente nós não sabíamos de porra nenhuma. Hoje a gente finge que sabe. O que se perdeu aí no meio foi a autenticidade.

download

Naquela época nós não nos importávamos muito com isso. Hoje parece que existe uma obrigação universal de saber de tudo, dando pitacos aqui e acolá. Eu sou assim. Não posso ver uma discussãozinha que vou lá correndo dar o meu parecer. Estou tentando mudar isso, é foda tentar remar contra a corrente, é difícil mudar essa ura doida de querer ir lá discutir qualquer coisa e perder horas preciosas da vida discutindo se o Zack Snyder estragou ou não Watchmen com aquele final de merda do filme. Ou discutindo se é saudável ou não o parto humanizado em casa.

Mermão! Você não tem que discutir parto a partir do momento que você não pode dar a luz e não é o Schwarzenegger.

Se a gente parasse de fingir que sabe de tudo e de dar pitaco em tudo já tínhamos inventado o teletransporte. Ou a cura da calvíce. Convenhamos cientistas, que porra vocês estão fazendo que ainda temos que ficar carecas e levar dedadas no ânus, ou ter o peito espremido pra detectar câncer de próstata e mama? Isso é tudo culpa dessa necessidade do pitaco, eu tô te falando.

Cadê os carros voadores? Cadê o hoverboard? Devem estar perdidos em meio a réplicas e tréplicas nos posts de facebook, reddits e fóruns da vida.

tumblr_ms1p3xMsNh1sn9940o1_500

Por um mundo onde alguém fale uma besteira e você simplesmente ignora.

Por um mundo onde mais pessoas escolham ser felizes ao invés de estarem certas.

.

Pedro Turambar

Já fui de um tudo nesta vida, mas há uma coisa que nunca deixei de ser: escritor. Escrevo para viver e manter minha sanidade em um mundo tão louco. Sou uma mistura de palavras, lágrimas e reclamações.

You may also like

3 Comentários

  • Fagner Franco
    30/01/2014 at 11:17

    Excelente! Tava pra escrever algo do tipo. Mas acho que não preciso mais. Mandou bem.

LEAVE A COMMENT

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos