A incrível geração de pessoas que precisam ter opinião própria


Leu o título? Agora veja o vídeo:

De tempos em tempos, surge na rede mundial de computadores, a internet, essa linda, um texto querendo definir uma geração, um gênero, um tipo de pessoa, um nicho. Junto com esse texto, vem outras dezenas de textos acabando com o original, para depois aparecer outros dizendo que na verdade, ele estava certo.

Isso aliás, acontece bem antes da internet. Não tenho dúvidas que um macaco, algum dia, escreveu sobre a geração que não quis descer das árvores. Esses, por sua vez, escreveram outros tantos textos rebatendo o primeiro, dizendo que descer das árvores é uma falácia e que tudo isso iria terminar mal.

Alguém, uma vez, nos convenceu que somos todos livres. Alguns acreditaram, outros foram obrigados a aceitar essa ‘verdade’. Você não é livre. Eu não sou livre. Mas, dentro dessa falsa liberdade, você não precisa, mesmo, de outros — tão cegos quanto nós — ditar como você deve viver sua vida.

Só faltaram nos convencer de que temos culpa. Somos ótimos em querer liberdade, ser donos da razão, ter opinião sobre tudo e bater no peito para falar que vive do jeito que quer. Só não somos bons em assumir culpa.

Nesse pouco tempo consciente que temos aqui, perca seu tempo fazendo coisas que você escolheu, certas ou erradas. Se você escolheu pautar sua vida pelo vício em likes, ou por textos que dizem como você deve viver a vida, pelo menos faça essa escolha conscientemente.

Viva como quiser, mesmo que alguns, tantos, ou ninguém concorde. Só seja verdadeiro o suficiente para aguentar as consequências sem transferir a culpa.

Captura de Tela 2014-06-27 às 16.40.25

Pedro Turambar

Já fui de um tudo nesta vida, mas há uma coisa que nunca deixei de ser: escritor. Escrevo para viver e manter minha sanidade em um mundo tão louco. Sou uma mistura de palavras, lágrimas e reclamações.

You may also like

5 Comentários

  • Camyli Alessandra
    12/08/2014 at 15:00

    Acho que a problemática toda não é sobre opinião e as regras que temos em nossa vida… o grande problema é expor isso na Internet… Tornando um espaço cansativo para quem entra esporadicamente na internet para relaxar… e vem posts e twiitter cheios de opiniões de “revolucionários da internet” ando meio cri-cri para esse pessoal e mês que vem tem eleições #oremos

    http://ladomilla.blogspot.com.br/

    • Pedro Américo
      12/08/2014 at 18:40

      Oremos mesmo. Essa polaridade, essa truculência e essa ínfima paciência de ambos os lados — em qualquer discussão — já deu no saco mesmo..

  • carolrodrigues
    11/07/2014 at 00:11

    Não poderia concordar menos com vc. Estava falando algo parecido esses dias com um amigo. Não aguento mais esse povo querendo ditar moda, cagando regra de comportamento pra tudo. Tá cada vez mais chato. Essa necessidade de ter – e dar – opinião pra tudo é a coisa mais chata do mundo.

    • Pedro Américo
      12/08/2014 at 18:39

      É uma das características dessa geração..

      • carolrodrigues
        24/08/2014 at 16:58

        Infelizmente =(

LEAVE A COMMENT

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos