Pessoas Sem Avatar


Eu nunca tive problema com a tal “Orkutização” das coisas. Antes do Orkut ‘orkutizar’, havia uma certa ojeriza à maravilha da inclusão digital. As pessoas brancas, ricas e de bom gosto (duvidoso) não queria seu espaço invadido por um bando de qualquer-cor, pobres e de péssimo gosto (também duvidoso). “Ai que saco!” diziam eles, revirando

Você quis dizer… #2


Lááááá nos anos de 2010 eu resolvi copiar algo que muita gente faz internet afora: listar uma quantidade x de pesquisas esdrúxulas que as pessoas usaram para chegar até seu blog/site/whv. A série se chamou ‘Você quis dizer…’ e eu fiz um post pra nunca mais. Como eu fiz com 98% das seções que eu

#StopTheBullshitMadness


Depois do absoluto, e absurdo, sucesso do fantástico Ice Bucket Challenge (para arrecadação de fundos para pesquisa de uma das piores doenças conhecidas por nós, ELA) pode-se esperar uma enchurrada de ~hashtag desafios~ por aí. Esse tipo de coisa é o que mais me dá asco na minha profissão. Basta uma coisa fazer sucesso, espontaneamente,

Eu escrevi um livro!


Pois é, acredite ou não eu escrevi um livro! Quem diria que esse bendito blog renderia, 7 anos depois, uma coisa dessas. O nome do livro veio da seção principal deste blog: Crônicas do Cotidiano, e eu queria, além de pedir educadamente que você compre o livro, contar um pouco de como foi que, de repente,

Do PdH – Independência ou Morte!


Dia 6 de Setembro de 1822, Capitania de Santos, Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves. – Meu senhor, não acha que comer buchada irá fazer mal amanhã na viagem? – Relaxa Boni. – Mas… – Boni, Boni… acabei de sair na porrada com meia dúzia de bêbados na esquina da Vila Belmiro, tenho que

Do Judão – 20 Anos da Lenda Akuma


É muito louco pensar que Street Fighter II foi lançado em 1991 para os arcades do mundo todo, e em 1992 para o nosso amado Super Nintendo. Por mais que muitos amem loucamente a série Mortal Kombat, não há como negar que Street Fighter causa algo diferente nas pessoas. Seja por aquele filme absurdo, pelo anime genial ou

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos