Que tal umas verdades? by George Carlin


Você sabe quem é esse ‘velinho’ aí de cima? Não? Você não sabe o que está perdendo. O nome dele é George Carlin, nasceu em 1927 e morreu (infelizmente) no dia 22 de junho de 2008. George era comediante, ator e autor americano, conhecido mundialmente por ser um crítico ferrenho da sociedade, do modo como vivemos – como somos dominados – e principalmente, crítico de toda e qualquer tipo de religião que existe, provavelmente o mais inteligente de todos.

Dotado de um humor negro como nunca vi, George tacava verdades na cara de todo mundo – chegou a ser preso várias vezes por isso – falou sobre todos os tabus e assuntos polêmicos que existem em nossa sociedade ‘moderna’. Se tem um cara que foi gênio no gênero de stand-up comedy foi esse cara. Existem vários vídeos dele no youtube, uma pena que nem todos estão com legendas, mas se você é razoável em inglês dá para assistir tranquilamente.

Selecionei alguns vídeos que estão com legenda, e gostaria muito que primeiro você os visse. Não vou tecer nenhuma opinião acerca dos vídeos neste post, vou deixar a discussão para os comentários, que dependendo da discussão a minha intenção é fazer um segundo post só com ela.

Preparados? Então vamos lá e comentem, dê sua opinião sobre o que George Carlin diz.

Ps.: Os três primeiros são os mais importantes para nossa discussão.

***

1 – Achei um maravilhoso site onde você – e eu é claro – pode baixar todas as temporadas de qualquer série de tv que você possa imaginar: SériesBR. Tem TUDO!

2 – Gosta de poemas? Visite o Dois Poetas na Escola

3 – O Iron Maiden está confimado em BELO HORIZONTE!!! \o/

4 – Você já viu uma deste tamanho?

Pedro Turambar

Já fui de um tudo nesta vida, mas há uma coisa que nunca deixei de ser: escritor. Escrevo para viver e manter minha sanidade em um mundo tão louco. Sou uma mistura de palavras, lágrimas e reclamações.

You may also like

12 Comentários

  • Guilherme Calazans
    06/03/2012 at 01:56

    O que mais me impressiona são os comentários. Por favor, só vi pessoas que viram isso pela primeira vez, vocês acham que George Carlin levou 15 minutos para chegar a tais conclusões? Então não critique! “Acho errado; não concordo” quem somos nós? nós somos o povo que paga o maior imposto do mundo e se contenta com com o bolsa familia, que compra produtos e paga imposto que volta pro governo! O que quero dizer aqui, é que o maior erro é acharmos que somos inteligentes na nosso espaço, todos tem direito de se expressar, somos todos iguais, é claro que somos! E ainda assim, criticamos. os comentarios que vi aqui, são as coisas que Carlin critica.

  • Rafael Amaral
    29/09/2010 at 14:19

    Não costumo postar comentários em blogs mais esse realmente valeu a pena!!!!!!!!
    Genial não que eu concorde com o que ele expôs mais acredito que é disso que o mundo precisa pessoas
    com pontos de vista bem definidos e argumentos plausiveis e claros colocados de uma forma divertida onde você pode concordar ou não e ao contrario de muitos que postaram depoimentos eu acredito que oque ele disse não tem nada a ver com americanos ou nacionalidades, é o jeito que ele enxerga a sociedade de forma geral e apesar de ser excessivamente radical tudo que ele disse tem fundamento!

  • Pedro Turambar
    Pedro Turambar
    22/01/2009 at 16:19

    Eu acho que no fundo o que ele quis dizer é que tanto americanos quanto qualquer outro povo no planeta leva muitas coisas à sério demais.

    E nunca veem a tamanha burrice de fazer isso.

  • Antonio Ugá | Desventura.org
    22/01/2009 at 03:58

    Realmente foi um gênio, faz um contraponto danado com o típico americano Homer Simpson (americano médio) e tira a justificação de um anti-americanismo (cego, bobo e feio) contra “o povo americano em si”. O que para mim é errado e usado erroneamente pelos revoltados xiitas (lembra dos metaleiros?).

    Mas vamos ao ponto para não perder o centro da discussão, só vi o primeiro vídeo então vou falar sobre ele, tô com sono, então volto para ver e discutir os outros.

    Compartilho totalmente, lógico que com menos sarcasmo, a opinião dele. Há pouco publiquei um vídeo de uma propaganda muito bonita no blog (http://www.desventura.org/2009/01/parem-o-aquecimento-global.html) iria levantar a discussão sobre a questão, que o verdadeiro “ambientalismo” não é o romântico de proteger as arvores, animais e o planeta, mas sim ele funciona mais para nos defender da reação do planeta ao que fazemos, mas tive preguiça de escrever e levantar uma discussão que precisaria de um bom fundamento. A idéia é como “o cara” falou: o planeta fica, nós vamos.

    Tinha realizado um trabalho (seminário) na universidade sobre Movimentos Ambientais (a professora escolheu o tema, eu preferia falar sobre o movimento negro) e fiz um vídeo com o nome: “a necessidade de proteger a espécie humana” (brincando com o que falam, proteger animais, arvores e o planeta), foi uma seleção de fotos que tiramos por aqui e achadas na internet, então é isso. Eu só upei a versão de teste para o You Tube se quiser depois te passo.

    Muito bom falar sobre o Carlin no blog e o texto tbm

  • Diego Camara
    21/01/2009 at 21:41

    Este velhinho é um gênio.

    Sempre com comentários geniais de como vivemos, derrubando religiosos xiitas, ecochatos extremistas e todo tipo de gente que tenha ligações com essas convenções sociais de baixo nível que estão encrustadas na nossa maravilhosa e perfeita sociedade.

    As pessoas que não gostam dele são do tipo preconceituoso. Que acham que o que ele diz são ofensas (para alguns pode sim soar como um grande tapa na cara), mas acima de tudo isto é um show de humor, mas é humor para os que tem bom gosto e não querem te bater só porque você não concorda com eles.

LEAVE A COMMENT

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos