Sobre o Fim do Ano


Dezembro é historicamente um mês diferente de todos os outros por motivos óbvios. É o último mês do ano, inclua aí o Natal, o Reveillon, e alguns dias de descanso do trabalho e muita… muita bebedeira. Além de tudo isso, o tempo em Dezembro passa diferente, percebe pra você ver. Isso fica muito claro na primeira metade do mês, o tempo não passa, voa. É uma sensação estranha de que não da tempo de fazer mais nada, você tem que terminar aquilo antes das seis e ainda entregar aquele trabalho final pro professor que deixou você entregar depois.

Dezembro é estranho, é uma sensação de puta merda o tempo todo. “Puta merda, esqueci do presente” “Puta merda, como assim é pra hoje?” “Puta merda tia, de novo não né?” “Puta merda em prima… tá gostosa demais” “Psahggyta nEgbgda… tiou, eesfesee huískejuis tá mei tragado”.

sobre o fim do ano

Porra, outro dia mesmo era dia primeiro de dezembro… já chegamos ao dia (pausa para olhar no celular) 29. Daqui há 3 dias é 2010. E lá vem o novo ano com tudo aquilo que já conhecemos. Resoluções, promessas, conversas, esperanças, falsas e verdadeiras, e ademais sempre aquele friozinho na barriga de “E então 2010, o que você me reserva?”

Já que estou falando disso, esse post será sobre o fim do ano… acho que ele já é. Sei lá, acho que desacostumei a escrever aqui. De qualquer forma, quem leu o meu post de natal do fim do ano (to com preguiça de linkar, estou escrevendo no Word) deve saber melhor do que eu – que não lembro absolutamente nada do que eu escrevi, mas que tenho certeza que escrevi isso –, por motivos bem claros eu odeio o natal. De modo geral eu detesto fim do ano e o amo ao mesmo tempo. Explico.

O Natal é fácil explicar. Apesar de ser a época mais rentável para o comércio (meus pais tem uma loja – linda – de decoração aqui em Monlevade) e isso ser bom para, digamos, os negócios da família, eu odeio o Natal. Com força. Não me lembro nunca de ter um natal normal, apesar também de não fazer a mínima idéia do que diabos seja um natal normal. Como disse a loja fica movimentada, então eu sempre ficava ajudando meus pais até tarde todos os dias. Árvore de Natal, minha mãe montava a mais linda de todas aqui em casa, mas sempre vendia a danada. Presentes, comprávamos depois por não ter tempo.

No dia do natal mesmo, vamos para a casa da minha avó e é aquela coisa de sempre. Tios, tias, primos, primas… muito não me toque, muita conversinha, muito amor velado, muuuuita hipocrisia. Mas acho que toda família é assim, eu ponho isso de lado, há sempre aqueles, que vale muito a pena ver e passar uma noite agradável, deixando toda essa baboseira de lado.

sobre o fim do ano

Reveillon eu já gosto mais. Bem mais. Primeiro porque a sensação do novo é sempre maravilhosa, é aquela sensação de desbravamento que sentimos toda vez que fazemos algo pela primeira vez. Há a parte chata é claro, as chatices de fim de ano. Um veado – designer provavelmente – decidiu que todo mundo tem que vestir branco ou amarelo. Outro puto inventou um monte de crendice boba que nossas mães insistem em fazer. Rituais de malucos que pulam não sei o que, recitam versos em línguas incompreensíveis, colocam sementinhas de não sei o que na carteira e o pior de todos foi o desgraçado, que contou pra nossa avó provavelmente que comer Lentilha traz dinheiro.

Amigo, comer lentilha traz vontade de vomitar, só isso.

De qualquer forma, eu vejo o fim do ano como um reboot. Dar um reset e começar tudo de novo não só é bom como faz bem pra saúde. É sério. Principalmente quando se tem a sensação de ter feito pelo menos 80% das coisas que você esperava – de verdade – que você fizesse e que os outros esperavam que você fizesse. Esse fim de ano para mim vai ser muito diferente, porque será o melhor que eu já passei.

Esse foi um ano fantástico. 2009 com certeza ficará na minha memória para sempre. Não começou bem, mas terminou de um modo que nem em meus sonhos mais otimistas iria terminar.

A partir de abril mais ou menos eu comecei a trabalhar em casa, o que foi fantástico. Nessa época pude me dedicar muito ao blog, me valeu muitas visitas e muito reconhecimento. No final de julho é que meu ano virou de pernas para o ar, voltei a trabalhar, e numa empresa grande. Comecei a criar e fortalecer um departamento de comunicação nessa empresa, o que você pode imaginar, deu – ainda está dando – muito trabalho. Mas é maravilhoso. Para mim de Julho até agora foi um estalo. Não tive mais tempo para nada. Em contrapartida, passei a receber um salário muito bom, pude comprar tudo que eu quis, me mudei para um bairro ótimo, num apartamento foda. Comprei um PSP, um PS3 (ele vai merecer um post especial), comprei livros ótimos, outros nem tanto, comprei milhares de DVD’s no submarino.

sobre o fim do ano

Não posso reclamar. Dezembro foi o mês em que eu mais trabalhei na minha vida, o nosso departamento fez duas campanhas gigantescas – isso só com 5 pessoas, sendo apenas eu e o Eduardo encarregados de criação – que culminou numa festa de fim de ano inesquecível. Postarei essa campanha aqui mais tarde e você vai entender o tamanho que foi. O resultado foi maravilhoso, atingimos nosso objetivo e no final – como quase sempre – tudo valeu muito a pena.

Ano que vem tem mais, muito mais. E eu quero mais é que venha.

No final só quero desejar a você, que não importa o que aconteça, sempre dá uma passada aqui para ver se finalmente esses putos postaram alguma coisa, que seu ano de 2010 tenha muito trabalho, muito esforço, que exija tudo o que você tem. Desejo que 2010 seja o ano em que você vai superar todos os seus limites, que você faça tudo o que quiser e o que deve ser feito. Desejo que você encontre o amor da sua vida – se já encontrou, que esse amor aumente e se fortaleça. Desejo que você se encontre mais com as pessoas que você ama. Desejo que você sorria mais um pouco. Desejo que você se apaixone por você mesmo. Desejo que você chore, de alegria, de emoção, e de tristeza – sim, porque haverão momentos tristes, poucos ou muitos, eles estarão lá – porque não é bom guardar choro. Desejo que você preste mais atenção às pequenas coisas, banais, que fazem toda a diferença.

Enfim, desejo um ano de 2010 cheio de tudo aquilo que faz a gente ser o que é. Uma pitadinha de sorte também não faz mal.

Um beijo e obrigado por não nos abandonar.

PS.: Devido a uma resolução de fim de ano, não faço mais resoluções de fim de ano, mas vou abrir uma exceção e dizer que vou me dedicar muito mais a isso aqui e as minhas histórias que comecei a escrever. É uma promessa que irei cumprir. Custe o que custar.

Pedro Turambar

Já fui de um tudo nesta vida, mas há uma coisa que nunca deixei de ser: escritor. Escrevo para viver e manter minha sanidade em um mundo tão louco. Sou uma mistura de palavras, lágrimas e reclamações.

You may also like

24 Comentários

  • Dias
    13/01/2010 at 23:29

    bom… desejo encontrar com meus amigos mais nesse ano neh
    e vc eh um desses seu puto maluco
    hauhauhauahuahuahuaa

    abraçao ae pedrao
    =]

  • Ricardo Vergara
    30/12/2009 at 12:20

    Eae Pedro…

    como sempre mais um post muito bom… como já disse antes, seus textos são ótimos. Queria eu escrever dessa forma!! hahaus

    mas enfim,
    achei mto bacana a mensagem final que voce escreveu, para os leitores. Talvez eu nao entre para a estatística de visitas do blog, pq leio pelo GReader, mas estou sempre presente e me adorei de verdade oq vc disse. Voce sabe que é essa relação pessoal, autor-leitor, que faz com que o blog cresça cada vez mais!

    Parabéns pelo seu ano e suas conquistas, espero sinceramente que 2010 seja ainda melhor!! abração cara!!! ^_^

  • PriiH
    29/12/2009 at 21:33

    Mal acredito que 2009 tá acabando.
    [/Mesmo com algumas lágimas, foi o melhor ano que eu já tive.
    Tantas coisas boas me aconteceram…

    Dentre elas, descobrir (por acaso) esse blog incrível e que eu visito quase que diariamente.

    Desejo ao Neto, Pedro, Naya e ao Diego e a todos os leitores, um 2010 incrível, cheio de alegrias, boas surpresas, amor, paz, esperança, prosperidade e tudo de bom!

    Ah,
    E o novo layout hein Pedro?

    Beijos.
    =*

  • Bianca
    29/12/2009 at 15:04

    Feliz natal e feliz ano novo pra todos também *-*
    e que venham muitos mais posts nesse novo ano /ok, parei

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:40

      @Bianca, ahuuhahuahuauhahu não tem jeito né?

      ok ok, virão ótimos posts e grandes novidades.

  • Ana Paula Cardoso
    29/12/2009 at 14:31

    Esse blog é ótimo!!!!! entrou para os meus favoritos!!
    FELIZ 2010 pra todos!!!!/ / /!!!

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:40

      @Ana Paula Cardoso, Que maravilha!

      Obrigado e bem vinda a família.

      Feliz 2010!

  • @cintiabariquelo
    29/12/2009 at 12:55

    hahahahaha dezembro é o mês do puta merda mesmo!!! descrição perfeita!!!
    muito bom o texto cara.. muito bom!!! me identifiquei com muitas partes ai… principalmente a de abril pra cá não ter mais tempo para nada!!!
    e que 2010 seja exatamente o que vc falou, mas que apesar das tristezas que a gnt tenha capacidade de aproveitar as alegrias!!! eeeeeeeeee
    viva 2010… o/

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:39

      @@cintiabariquelo, =D

      hahuahuahuahua eu solto uns 10 putamerda por minuto em dezembro..
      que bom que gostou.

      aaaaa com certeza, aproveitar momentos felizes é comigo mesmo!

      =D

      um beijo e um feliz ano novo

  • Matheus
    29/12/2009 at 11:05

    Pedroca,

    Que essa promessa realmente seja cumprida, pq do contrário o Padelkerson Noel não vai levar presente algum pra ti.

    Espero ter deixado meu recado, e que o tom ameaçador seja percebido!
    uheuhAeuhAehuae

    Mts coisas boas pra gente em 2010! Um abraço!!

    PS: o sistema de comments do seu blog ainda vai me mandar um dia!

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:37

      @Matheus, ahuhauhuahuahuauhauh

      vou ter você do meu lado me enchendo o saco para não descumprir a promessa.

      =)

      o que tem o sistema de coments?

  • Naya
    29/12/2009 at 10:09

    Hey Hey Hey…faltaram as promessas de finalmente conhecer o povo do blog =D
    uhauhauhauhahauauhahuauhauhauhahuauhahua

    Feliz Novo Ano pra todo mundooooooooo…..e um especial pra vc, Pedrin

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:35

      @Naya, eu ainda vou fazer um post de agradecimento… ahahha vai constar isso.

      =D =** (L)

  • Cassio Godinho
    29/12/2009 at 09:05

    Feliz ano novo pra você tambem Pedro, e pra Naya tambem, e pro Diego e pro Neto!
    Feliz ano novo pra todos os que compartilham comigo o prazer de ser leitor desse blog.

    PS.: Ja que o Pedro ta milhonario agora eu ja sei onde vou me hospedar em BH proximou show que eu for aí! ha!
    =p

    • Naya
      29/12/2009 at 10:09

      @Cassio Godinho,

      Beijo pra ti q lembrou de mim antes dos meninos uhaUHAuhaUHAuhaUHAuhaUHAhuaUHAHuaUHAUHAauhHUAhau

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:34

      @Cassio Godinho, huauhahuahua não to milhonário não rapaz.. nem vem.

      mas seria bem vindo! =D

      Feliz ano novo!

  • M.K.
    29/12/2009 at 07:56

    Putz, acabou o ano mesmo. Dificil de acreditar, parece que cada ano passa mais rápido do que o anterior, e cada dia demora mais pra passar.

    Bom, resoluções de ano novo possuem uma regra, elas dificilmente são cumpridas. Vamos ver se a sua é excessão, non?

    Enfim. Belo texto. Feliz 2010 ae.

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:32

      @M.K., Isso quer dizer que estamos velhos…

      Lembra da infância? Um ano era uma eternidade.

      A medida que vamos envelhecendo o tempo vai passando mais rápido.

      Cara, nem a resolução de não fazer mais resoluções já não deu certo… mas essa eu vou cumprir.

  • @Adriana_Torres
    29/12/2009 at 01:50

    Para que eu fui abrir minha maldita boca hein? hahahaha

    Adorei o post e a referência inicial. Mas gostei principalmente do que desejou aos seus leitores – turma da qual agora me orgulho por fazer parte. É lindo ver um jovem – putz, e tão jovem – conquistar tantas coisas e ter um olhar prudente sobre o futuro e o que cada um de nós realmente precisa. Você escreve muito bem, mas vai além disso. Mostra uma maturidade ímpar para os dias de hoje… e claro, sendo um pouco feminista, para um ser do sexo masculino! hehehe

    Que 2010 tenha tudo que você desejou para todos nós – e que você cumpra sua promessa, me fazendo rir um bocado após 14 horas de trabalho, véspera de feriadão!!!!

    Beijo grande e ÓTIMAS FESTAS!

    @Adriana_Torres

    • Pedro Turambar
      Pedro Turambar
      29/12/2009 at 16:29

      @@Adriana_Torres,

      Esse já entrou pro hall dos comentários mais fodas que já recebi.

      Obrigado pelas palavras, não imagina como isso me deixa feliz… ainda mais vindo de uma pessoa que eu admiro tanto.

      É… homens maduros realmente são difíceis de encontrar…

      Falando nisso, me senti um adolescente no seu comentário.. ahahahahah, contra a juventude tenho a calvíce, o que depõe contra ela. ahahha

      Um grande beijo e ótimas festas para você também!

LEAVE A COMMENT

Quem?

Pedro Turambar

Pedro Turambar

Gosto de escrever, reclamar e não tenho controle sobre chorar. Escrevo há 10 anos sobre a loucura de viver em sociedade, futebol e falo bem e mal das coisas que leio, vejo e ouço.

Newsletter - ¡Desmotive-se!

Fanpage

Mais

Arquivos